sábado, 1 de maio de 2010

~~'Sincero sorriso



Dê-me o céu
Se quando esse fizer escuridão,
Ilumine com estrelas
O meu
coração.

Dê-me o mar
Se nele souberes navegar.
Prometa-me não
esquecer
Pois a maré há de aparecer.

Dê-me o Sol
Se puderes
me roubar o sono
Assim como ele o faz ao me tocar.
Faça-me na aurora com
abono
Respirar o mais puro ar.

Dê-me a chuva
Se os meus erros
com ela
Escoem para os bueiros.
E depois da tempestade
Colora o céu de
minha alma
Trazendo-me um arco íris de calma.

Mas se nada disso
puderes me dar,
Dê-me um sincero sorriso
Para que eu possa em minha
lembrança gravar.

Um comentário:

O seu comentário é sempre bem vindo!
Opine, comente, se expresse! Este espaço é seu!

Espero que tenha gostado do blog! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...